Beneficios do casamento

Fonte - Revista Galileu

Quem espera até o casamento para fazer sexo é mais satisfeito e tem mais estabilidade, de acordo com pesquisa

Uma pesquisa divulgada na revista Family Psychology mostrou que casais que esperaram até o casamento para ter relações sexuais são mais satisfeitos que os apressadinhos. Além disso, os relacionamentos dos que esperaram têm mais estabilidade, qualidade de sexo e mais comunicação que os demais.

Mais de 2 mil pessoas casadas responderam a uma pesquisa sobre quando iniciaram sua vida sexual com o parceiro atual e os aspectos do relacionamento. Os resultados mostraram que aqueles que demoraram para fazer sexo tiveram benefícios futuros. Os casais que esperaram, de acordo com a pesquisa, tiveram uma taxa de estabilidade 22% maior que os demais, a satisfação no relacionamento foi 20% maior, a qualidade do sexo também apresentou um nível 15% maior e a comunicação foi classificada com 12% de vantagem.

Quando o casal esperou mais do que a média, mas não até o casamento para fazer sexo, os níveis mencionados caem pela metade, mas ainda assim são mais altos do que daqueles que quiseram “testar” o parceiro na cama antes de se comprometer por mais tempo.

Como os valores religiosos podem influenciar na escolha de esperar para fazer sexo, os pesquisadores controlaram a religiosidade dos participantes. E viram que independente desse fator, quem espera mais desenvolve mais aspectos relacionados à comunicação, o que ajuda a aumentar a estabilidade e satisfação na relação.