Os 3 Estados da Hipnose - Parte 1

Os 3 Estados da Hipnose

Hipnose

ERIC BARONE, classificou a hipnose em 3 estágios simples + 1 (Normal, classificado como Z0)


Estado Z1 (Leve)

Neste Estado, o sujeito está consciente de tudo o que ocorre, quando despertar do estado de hipnose, irá avaliar o tempo incorretamente, acreditará ter passado 10 minutos, quando na verdade se passaram 30 minutos. 

As Sugestões que se aceitam neste estado devem ser sugestões positivas, afirmativas e profressivas. Pegando o exemplo de um fumador decidida a deixar de fumar, as sugestões possíveis no estado Z1 são; "Sente teus pulmões limpos", "Seu desejo de fumar diminui", "Tem vontade de respirar melhor", etc.


Estado Z1 ( Profundo )

Neste estado, o sujeito tem suas atribuições críticas "adormecidas", continua comunicando-se e segue recebendo mensagens do mundo exterir (Fora de sua mente, consciente), mas quando desperta da hipnose, não recorda nada do que se sucedeu.

Comparando com a Z1, este estado permite ao sujeito aceitar uma inibição. Uma Proibição se incorpora bastante profundamente em seu comportamento. No caso de um fumador, as sugestões melhores serião; " Cada vez que ascender um cigarro, sentirá nauseas". 


Estado Z3 ( Muito Profundo, Não serve pra nada)

Neste estado, o sujeito perde a consciencia; quebrou qualquer relação com o mundo exterior, não escuta nada e se comporta como se estivesse anestesiado.

Este estado é conhecido como Estado de FUGA. Quando o sujeito recusa uma sugestão, e , não consegue despertar, se refugia em um estado mais profundo, o Z3.


*Lembrando que nenhum estado oferece risco, cabendo o sujeito ter confiança no seu Facilitador.

 

O Ato Hipnótico, desde os Encontro

 

O ato de hipnotizar, basicamente refere-se em 5 Etapas.

 

1 - Induzir

2 - Aprofundar

3 - Sugestionar/Implantar - conforme objetivos

4 - Sugestão pós Hipnótica

5 - Procedimento de Despertar.

 

1 - A indução nada mais é que eliciar o sujeito ao estado de Z1, um transe leve e relaxante.

2 - Ao aprofundar o facilitador irá encaminhar o sujeito ao Z2, Aonde aceitará melhor as sugestões.

3 - Sugestionar, aconselhar, anestesiar, curar.

4 - A Sugestão pós hipnótica é talvez a etapa mais essencial da hipnose, Uma vez que o sujeito esteja no estado de Z1 e Z2, poderá ser dado ordens que se prolongem durante e depois da sessão, Este estado será importante quando quiser facilitar a entrada ao transe, como o fortalecimento da execução dos comandos e amnésia.

5 - O Procedimento de despertar, permite parar todo o processo de hipnose, ao contrário do que se passa na TV como " Irá acordar em 3 ,2 , 1 .." Este processo precisa ser mais lento.. para que finalise tudo o que foi feito com perfeição.

 

CONTINUA....

Na Próxima, - AS FERRAMENTAS DE UM HIPNOTIZADOR.